eBooks Amazon

Traduzir Dê Português para Chinês Traduzir Dê Português para Espanhol Traduzir Dê Português para Italiano Traduzir Dê Português para Françês Traduzir Dê Português para Inglês Traduzir Dê Português para Alemão Traduzir Dê Português para Japonês Traduzir Dê Português para Russo
TRANSLATE

Falando sobre civilização...


Às vezes me confundo neste paradoxo estupidamente antagônico, nesta antítese de termos que nos confunde entre dicionário e realidade, esta mistura que enlouquece significante e significado, que dificulta o entendimento sobre denotação e conotação.

Ouvi falar outro dia sobre "civilização", lembrei da falta dela ao constatar as ruas cada vez mais sujas por cidadãos que se julgam: civilizados!. Certo cidadão num dia qualquer me falou do primitivismo dos índios, pensei: ao menos eles cuidam de suas terras, de suas mulheres e se organizam de uma maneira fantástica em comunidades. Talvez não tenham banheiros com portas, é verdade, mas tampouco "cagam" no chão de banheiros públicos como a civilização moderna, ou alguém nunca entrou no sanitário de um posto de gasolina? Tampouco vi índios entorpecendo-se com antidepressivos e menos ainda embriagando-se com vodka e uísque, fugindo da própria vida. Falara-me de civilização....
Lembrei de privadas entupidas por preservativos e fraldas de bebe, civilizados jogam suas imundícies ali! Acreditem!
Olhei para o céu e encontrei fumaça , nas ruas olhares perdidos, gente estupidamente inteligente sem saber o que fazer com a própria vida.
Uma nação sem riso. Famílias destruídas por violência e traição. Crianças drogadas, revoltadas, violentadas pelos próprios pais. Jogadas por janelas de prédios, trancafiadas em quartos escuros, queimadas com pontas de cigarro. Pequenos infantes no farol sustentando pais, jogando bolas pra cima, vendendo balas...
Civilização é tropeçar num mendigo dormindo na calcada e ficar passivo.
Civilização é viver com as chamadas doenças modernas, depressão, stress. É o morrer de tristeza por ver um filho cheirando cola.
Civilização é a queimada de patrimônios da humanidade.
Paradoxo de civilização e primitivismo é ver as cidades abarrotadas de fabricas e empresas e cada vez menos emprego. Cada vez mais favelas. Cada vez crimes mais bárbaros. Civilização é viver com medo de sair nas ruas. Impressões, valores afetivos e sociais negativos, reações psíquicas que um signo evoca, de preconceitos destrutivos, é compartilhar com nossos amigos a ignorância do convencionalismo, da banalidade, do fútil de discriminar por sermos superiores!
Civilização é viver em um século com ainda mais preconceito, o alimento dos porcos!

6 comentários:

  1. Pena que não poderei ir de Salvador para o lançamento do seu livro. Seria uma alegria...
    Fica para uma próxima oportunidade.
    Sucesso, viu?
    Beijos.

    Valdeck Almeida de Jesus
    www.galinhapulando.com

    ResponderExcluir
  2. Mesmo assim valeu pela força!! Sucesso pra você também!!! Beijo grande!

    ResponderExcluir
  3. Adorei sua crítica!! Parabéns!!!!

    ResponderExcluir
  4. Quanta realidade, tem gente que fecha os olhos pra tudo isso, pura hipocresia. Concordo plenamente com seu artigo! Parabéns! Beijos!!

    ResponderExcluir
  5. Olá, obrigada por ter lido e comentado! Logo, terei artigos fresquinhos! Beijos!!

    ResponderExcluir

1. Está vetado o linguajar muito sacana ou ofensivo - salvo exceções bem aceitas, do tipo: xingar o próximo (isso pode!).

2. Se quiser delirar, procure a torcida do flamengo, pois de sacana aqui já basto eu!

3. A gerência de marte agradece a compreensão!

Boutique de Ideias

E você, já pegou no livro hoje?

Ebook de Segundas Intenções na Amazon

eBook Best Seller na Amazon: Segundas Intenções

Oi gentem! Tudo certinho com vocês? Eu não poderia estar melhor! Rezemos! J ;)  A promoção dos meus eBooks na A...

Qualquer semelhança desse blog com a realidade, é pura cagada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Compartilha mais essa asneira também, bro!!!