eBooks Amazon

Traduzir Dê Português para Chinês Traduzir Dê Português para Espanhol Traduzir Dê Português para Italiano Traduzir Dê Português para Françês Traduzir Dê Português para Inglês Traduzir Dê Português para Alemão Traduzir Dê Português para Japonês Traduzir Dê Português para Russo
TRANSLATE

Mitos e verdades sobre cidades pequenas...





10 Mitos sobre as vantagens de morar em cidade pequena:
- A cidade é pequena,
- Não tem transito,
- Tem vacas, (e toda vaca é mimosa!),
- É Silenciosa,
- O Ar é puro,
- As pessoas são “fofinhas”,
- Não há indústrias poluentes e nem super lotação no transporte público,
- As famílias são mais unidas,
- As FESTAS são simples,
- Todos cuidam uns dos outros...
10 Verdades sobre as desvantagens de morar em cidade pequena:
- A cidade é pequena,
- Não tem transito (e nem vida!),
- Tem moscas (não importa quão limpa esteja sua casa),
- Não tem diversão,
- Sempre há ventania,
- As pessoas são esquisitas,
- O comércio fecha às 18 horas e o transporte público é lento e demorado,
- As famílias são CHATAS,
- Não há festas...,
- Todos cuidam da sua vida e fofocam sobre você!!!

Geyme, a mosca, a cidade pequena e os dias contados...

PS: Queridos companheiros, vorrtei de viagem agora, necessito um tempinho pra retribuir as visitas, viu!!

Beijinhos da caipira de Weimar...

 

21 comentários:

  1. Ebaaa, você chegou!!!!
    Adorei o quadrinho comparativo hehe E de fato, falando bem ou mal, todos em cidade pequena sabem da vida do outro.
    Mas a vantagem é que nao tem pernilongo no verão, só mosca kkk
    Tem sol no verão até 10hs da noite (onde anda você astro rei, esqueceu da Europa, foi?).
    Miga, tem coisa que nao muda mesmo né, nem em cidade pequena e nem em cidade grande. E é tudo muiiito relativo. Viena é uma cidade relativamente grande, mais de 1 milhao e 500 mil habitantes (mesmo número de habitantes que Curitiba), mas é uma cidade com um perfil de velho continente, se é que me entende. Ou seja, atividades culturais mil, mas que mais interessam (na minha lesa opinião) à pessoas mais velhas. Será?
    Por que "dias contados" hein hein hein???????

    Fica quietinha aí, nao vai embora nao, viu!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vem em Várzea da Roça - BA que tu vai ver se tem ou não pernilongo no verão, é barril aqui aushuahsuahsuhaushas

      Excluir
  2. Ah, e minha mana mora em Milano,
    e eu fui rapidinho uma vez em Veneza com meu sobrinho, inclusive tenho só algumas fotos porque a tonta aqui esqueceu de carregar a bateria da câmera e nao deu tempo pra registrar tudo. E nunca fui em Amsterda, mas já vi fotos da viagem de uma amiga pra lá, e achei linda.
    Você também acha a Europa tudo com a mesma cara?

    Vem almocar aqui, tô fazendo os hamburguer de brócoli :) Mas depois sabe né, guenta o futum kk

    ResponderExcluir
  3. Oi Geyme! Não é que a cidadezinha vagabunda onde vivo(?) é exatamente como aí descrito! Ansiávamos pelo seu retorno, my lady.

    ResponderExcluir
  4. Geyme, isso me parece uma cidade grande, depois que você mora há muito tempo e começa a convier muito com as pessoas e os lugares. hahahahaha! Eu costumo dizer que a diferença está apenas nas fofocas que ficam mais espalhadas mas a imprensa local cuida disso muito bem. Ajunta tudo num jornal ou numa rádio e não se fala de outra coisa aonde quer que a gente vá. hahahah!

    PS: aqueles ditados e aforismos eu juntei 200 e fui fazendo brincadeiras politicamente incorretas. Vai sair junto com aquelas palavras que fui modificando os significados.
    Beijo grande. paz e bem.

    ResponderExcluir
  5. Nasci, e vivi até os nove anos de idade em cidade pequena. De lá para cá, moro em capital. Posso te dizer, que tudo isso aí é verdade.
    O pior mesmo, de cidade de interior, é que, todo mundo sabe da vida de todo mundo!
    Parece até, que as pessoas vivem mais a vida do outro do que a própria. Eu ainda era criança quando me mudei, mas me lembro muito do alívio da minha mãe, quando chegamos na cidade grande, e ela dizia: - "Ufa!...Finalmente um lugar que ninguém me conhece!!!"

    Gostei de te ver por lá!
    ;)

    Tenha um ótimo restante de semana.

    PAZ & LUZ!

    Jinhos,

    Cid@

    ResponderExcluir
  6. Nossa amiga, pelo jeito vc não está gostando muito de morar em uma cidade pequena, né... eu até gosto de cidades pequenas, mas não tão pequenas também. Para mim a maior desvantagem de se morar em uma cidade pequena é não ter nada para se fazer quando se quer sair de casa, e no Brasil pelo menos, principalmente os programas culturais praticamente inexistem em uma cidade assim, então se vc quiser ir ao teatro, a um concerto ou até mesmo a um cinema diferente, não comercial, vc não encontra... e nossa, isso de todo mundo saber da sua vida, xeretar e fazer fofoca deve ser um caos!Já morei em cidades pequenas, mas não tão pequenas a ponto de ter um problema desses... E vou te falar, acho que não sobreviveria aí na Alemanhã com o meu jeito de ser ( com certeza efuzivo demais para os alemães) e isso então de ter que se apresentar pelo sobrenome, achei horrível! Tudo isso até me fez ficar tentando imaginar como é que vc conseguiu namorar e casar aí, pq as aproximações parecem difíceis e complicadas demais! Se não podemos nem dizer oi, e nem perguntar se tá tudo bem para um desconhecido, como é que as aproximações se dão? Pq de alguma forma as coisas tem que se dar aí né, senão vc chega aí e fica isolada pra sempre! É isso ai amiga, um beijo e um bom resto de semana para vc também!E boa adaptação na nova cidade!

    ResponderExcluir
  7. Geyme, saudades de tu cara de tatu :)
    Eu moro no interiorrr de Sampa desde que nasci, há 22 anos. Algumas coisas aí são bem verdades, mas o pior é que todo mundo ACHA que sabe da vida de todo mundo, mas na verdade inventa mais do que qualquer coisa! Fodásticoooooooooo! rsrs
    Mas eu amo de paixão morar aqui, apesar dos pesares, afinal qualquer lugar tem seus prós e contras!

    bjokitas com mega carinho!

    ResponderExcluir
  8. Hirashai Mase - ようこそ - Seja bem-vinda.
    Tem o lado divertido e o lado chato morar numa cidade pequena, a começar pelas pessoas que querem fazer um monte de perguntas... minha família sempre morou em várias cidades e países devido a profissão do meu pai... já moramos na Italia, no Brasil,na Espanha,na Suiça, na Noruega, e no Japão, em várias cidades e províncias e sempre eramos alvos de curiosidades... recebiamos muitos convites e claro as perguntas corriam solto e as pessoas querendo saber de tudo, hoje fixamos residência no Japão, já estou aqui há 18 anos, e até meus 13 anos não sabia exatamente qual era a minha nacionalidade (oficial é italiana) e quando me perguntavam de onde eu era, eu demorava pra responder, as vezes respondia a última cidade que morava...aprendi muitas coisas, visitei muitos lugares e hoje os japoneses se admiram por ser gaijin (estrangeira) e falar tão bem japones e ter atividade e aceitação igual a japones... mas foram anos de luta e dedicação... não foi fácil, mas agora estou tranquila, venci muitos obstáculos, mas pus em prática o que havia planejado para mim desde criança e com ajuda do meu pai (pois perdi minha mãe com 2a.7 meses)ultrapassei meus próprios limites...mas nunca desisto de nada que coloquei em propósito para minha vida, tanto profissional como pessoal...
    eu moro na cidade de Gifu, dizem que é o coração do Japão, ela fica no meio, e por todos os lados que se vá... a Osaka, Kobe, Okinawa ou a Tokio, se passa por Gifu, é uma cidade cheia de montanhas, tem a melhor água, é considerada cidade do interior... mas eu não troco essa província por outra, meu marido nasceu em Tokio=Chiba, mas aprendeu gostar dessa província, tem muitas atividades por aqui, tem neve no inverno, lindas paisagens no outono, no verão é bastante quente, a temperatura aqui chega a ultrapassar 40 graus no pico de agosto... esses dias tem feito 36 graus... o calor aqui é insuportável, pois parece que estamos em uma panela de pressão, o calor vem do solo e não tem brisa, mas mesmo assim eu amo essa província...aqui no Japão já morei em Shizuoka e Kanagawa, província grande – região próxima a Tókio.
    Quanto a radiação, a região que foi afetada é a província de Fukushima... boa parte da usina está desativada e agora eles estão no processo de aterro da localidades mais próximas que sofreram devido a radiação, existe restrições com relação aos alimentos e água na região, mas nas demais províncias não há problemas com a radiação... o que o governo pediu a população em estar ajudando no racionamento de energia, agora é verão no Jp, e o calor é bem forte , regiões ultrapassam 40 graus e consome=se muito ar condicionado, e as pessoas estão trocando por ventiladores... em casa já alguns anos em um projeto da Universidade local optamos 80 por cento da nossa residência em estar usando energia solar...e é o que o Japão está investindo, mas todos os japoneses estão empenhados em ajudar uns aos outros... eles se unem muito, é um povo que passou por guerras e sabe ser solidário, pensamos que os japoneses são frios...mas eles tem um grande coração e se unem sim , mesmo em meio as tragédias....
    Ah... escrevi muito... mas vamos nos falando, um grande beijão pra ti. Gio

    ResponderExcluir
  9. rsrsrsrsrsrs...estou morando em cidade pequena, e posso confirmar isso. Ficou faltando o cheiro de bosta (desculpe a expressão), seja de cavalo ou de vaca.

    ResponderExcluir
  10. Só rindo mesmo! Depois que se acomoda, tudo parece igual. Fofocas há em todos os lugares, e como!!! No trabalho, na vizinhança, no prédio ... coisa de louco.
    Seja bem vinda!!!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  11. Olá Geyme!!

    Adoraria trocar o MEDO de bala perdida a cada vez que SAIO de casa ou algum de meus familiares e o stress de horas perdidas no trânsito, para ter a TRANQUILIDADE e MAIS QUALIDADE DE VIDA com minha familia numa cidade de interior. Como eu gostaria!

    Qto a fofocas e gente chata, isso a cada esquina deste mundão de Deus, vc encontrará. Não dá para fugir.

    Trocaria a poluição sonora e das indústrias da cidade que moro, pelo cheiro de bosta dos animais e das matas da cidade do interior. Gostaria de sentir a brisa suave em meu rosto todos os dias e respirar bem fundo AR PURO ....mas,

    quem tem tudo isso não dá valor, e quem não tem, procura.

    A vida tem dessas coisas!

    Um ótimo fim de semana pra vc! Beijos!!

    ResponderExcluir
  12. Pois é, eu só vou para a cidade pequena quando em férias, e lá só para me espreguiçar na rede, o choto mesmo são as moscas, risadas.
    Bom retorno, esperamos novidades dessas pequenas férias.
    Abraço

    ResponderExcluir
  13. Oi, Geyme! E eu achando que vc estava curtindo Weimar, com os parques e tudo mais!
    Fofocar o povo fofoca mesmo, mas cidades menores tendem a acumular maior numero de fofoqueiros por m2. é só não dar bola e fazer cara de parede..rs.

    Bjo, princesa,

    ResponderExcluir
  14. Olá:

    Conheço as duas e não gosto de cidade pequena.

    Beijo.

    Nita.

    ResponderExcluir
  15. Hoje estou passando apenas para lhe fazer um convite.
    Estou falando do www.superlinks.blog.br que é um site agregador que vale a pena visitar, pois é mais um espaço no qual você poderá publicar seus links de matérias, pois é um site sério e com critérios bem positivos.
    Espero que goste da dica.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  16. Ei amiga, tudo belê?
    deixo uma beijoca!

    ResponderExcluir
  17. Noossa, se vc queria causar c esse post, vc conseguiu hein!
    Mas confesso q me ofendi.
    Nao eh tao verdade assim oq diz..
    Cidade pequena a gtn encontra PAZ, q na cidade grande nao tem.
    Tem transito sim, e ao contrario da cidade grande. Aqui se o povo respeita a sinalização.
    Moscas tem em todo lugar.
    Tem diversao sim, vai daquilo que é diversao pra vc =)
    Nao tem ventania e as pessoas NAO sao esquisitas. Alias, nao conheci ngm igual a ngm nesse mundo. rs
    MINHA FAMILIA EH MARA.
    E sempre tem festas aqui sim.
    E fofocar.. (bom, flar ate papagaio fala) ;D

    Nao pude ler isso e nao me defender, rs

    vim desejar um excelente fds de dia dos pais pra vc e sua familia!

    beijo

    ResponderExcluir
  18. Sério? Sério? Onde vc vai morar agora?

    Eu me mudei em fevereiro para uma cidade ultra mega pequena ao lado de Porto Alegre e estou amando! Mas a maior parte das "verdades" ali, realmente são verdades. :p Só que eu adorooo!
    O único lado ruim é encarar o trânsito caótico para Porto Alegre todos os dias. Nas férias das escolas, eu estava levando uma hora. Agora, estou levando duas horas e meia!! É de matar! Hoje até fiquei em casa... aff!
    Bjss! Estava sentindo a sua falta!!

    ResponderExcluir
  19. Olá Geyme,adoro cidade pequena. Acho que ela são boas de se morar, pois não há muita pressa, assim a vida passa devagar.
    Bem escritora, voltei e estou cheia de saudade de tudo isso aqui.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Me gustan las ciudades pequeñas aunque yo viva en una grande.

    ResponderExcluir

1. Está vetado o linguajar muito sacana ou ofensivo - salvo exceções bem aceitas, do tipo: xingar o próximo (isso pode!).

2. Se quiser delirar, procure a torcida do flamengo, pois de sacana aqui já basto eu!

3. A gerência de marte agradece a compreensão!

Boutique de Ideias

E você, já pegou no livro hoje?

Ebook de Segundas Intenções na Amazon

eBook Best Seller na Amazon: Segundas Intenções

Oi gentem! Tudo certinho com vocês? Eu não poderia estar melhor! Rezemos! J ;)  A promoção dos meus eBooks na A...

Qualquer semelhança desse blog com a realidade, é pura cagada.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Compartilha mais essa asneira também, bro!!!